De 5 a 8 de Junho, 2018

Das 13h às 20h

São Paulo Expo, SP

Retomada da economia estimula otimismo do empresariado brasileiro

M&T Expo poderá ser, mais uma vez, o termômetro para medir a recuperação do mercado de equipamentos para construção e mineração
Os empresários brasileiros estão mais otimistas. Segundo uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas com 402 CEOs, presidentes e líderes empresariais, 60% dos executivos enxergam que a situação atual dos negócios esteja melhor este ano e 75% avaliam que a receita também será melhor em 2018. 

O levantamento, realizado durante o almoço-debate do LIDE, também trouxe informações sobre o emprego (48% estão contratando ou pretendem contratar) e sobre o PIB (33% avaliam que a alta será de 3%). O evento contou com a participação do economista Paulo Rabello de Castro, presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), que informou que o Banco acabou de finalizar o planejamento estratégico para tornar o Brasil uma nação desenvolvida até 2035. "Seríamos um país medianamente desenvolvido em termos de renda se aumentarmos o IDH de 0,75 para 0,86, elevando a renda de US$ 14 mil para US$ 25 mil (PPP). Entretanto, para isso, o desenvolvimento não pode ser tão volátil como foi nos últimos anos; é necessário que o crescimento de 3,2% ao ano tenha estabilidade”.

Para Mônica Araújo, diretora geral da Messe Muenchen do Brasil, esse cenário mais positivo pode ser visto em toda a economia, incluindo o setor da construção, cuja perspectiva é de uma retomada mais consistente no segundo semestre, com resultados positivos em 2019. “Assim, é importante que as empresas iniciem seus investimentos neste ano, criando parcerias e se relacionando com clientes, a fim de estarem inseridas no contexto de crescimento esperado para o ano que vem”. 

No entanto, o desenvolvimento citado pelo presidente do BNDES só será possível, segundo Mônica, se houver uma melhor infraestrutura no país. “Por isso é fundamental que haja o crescimento dos investimentos no segmento”, diz. Ano passado, dados da consultoria InterB mostram que o Brasil alcançou a pior taxa de aportes na área da história – 1,4%, com R$ 87 bilhões investidos. “Entidades setoriais e especialistas de mercado avaliam que apenas para manter os ativos existentes, seria necessário um aporte de 3% do PIB. Já para um fomento mais robusto em infraestrutura, esse índice deveria ser de 5%”, conta.

Mônica analisa ainda que os investimentos em infraestrutura afetam diretamente toda a cadeia produtiva, desde construtoras, empresas de engenharia, escritórios de arquitetura, empreiteiras, até locadoras, prestadores de serviços, fornecedores de materiais e fabricantes de equipamentos. “A indústria da construção é um dos segmentos que responde mais rapidamente quando há investimento, gerando emprego e renda para as pessoas e fomentando a economia”.

Para a área de equipamentos, uma das oportunidades para estar inserido no mercado será durante a M&T Expo – Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração, que ocorrerá entre os dias 5 e 8 de junho, no São Paulo Expo. Considerado o maior evento da América Latina nesses segmentos, reunirá mais de 400 expositores nacionais e internacionais, apresentando os lançamentos mais importantes e as tecnologias mais inovadoras para aumento de produtividade, segurança, sustentabilidade e rentabilidade. 

“A percepção é de que a feira será, mais uma vez, um termômetro para sentir o grau de recuperação do segmento neste ano”, afirma Augusto Andrade, diretor de Eventos da Messe Muenchen do Brasil. "Segundo informações da Sobratema (Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração), historicamente, a feira responde por 30% do faturamento anual do setor”, acrescenta. Na última edição, as estimativas apontaram para a geração de negócios da ordem de R$ 3 bilhões.

Única feira a ser realizada na área de construção e mineração, a M&T Expo 2018 está em sua 10ª edição. A feira foi promovida, pela primeira vez, em 1995, em uma iniciativa da Sobratema. A edição de 2018 marca o início do acordo de cooperação de longo prazo firmado entre a entidade e a Messe München, promotora da bauma, maior feira mundial da área de equipamentos para construção. Com isso, a feira passa a ser organizada e promovida pela Messe Muenchen do Brasil. 

Serviço:
M&T Expo 2018 – 10ª Feira Internacional de Equipamentos para Construção e Mineração
Data: 5 a 8 de junho de 2018
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center - Rodovia dos Imigrantes, km 1,5 – Água Funda – São Paulo/SP
Informações: http://www.mtexpo.com.br

Download Press Release (PDF)